sábado, 8 de fevereiro de 2014

Shekinah

Participando do curso de janeiro na unisal, sobre CMC - curso metodologia catequética, aprendemos essa dança circular, com um catequista de Belém (Pará), o Joselito Ribeiro.
 Profunda, envolvente, reflexiva, celebrativa, mistagógica.
Aprendi, fiz a experiência, gravei, para partilhar com vocês.
 Podemos fazer num encontro de catequese, com catequistas, juventude...

Estejam atentados aos gestos...
- Acertar o compasso... Como é difícil, caminhar todos no mesmo rítmo...
- As mãos -  A direita sobre a esquerda...
Sua mão direita, é colocada por cima da mão esquerda do amigo à sua direita...
Sua mão esquerda, fica por debaixo  da mão direita do amigo à sua esquerda...
Lembrando que, aquilo que damos, recebemos... 
Estendemos nossa mão à alguém , enquanto tem um mão estendida pra nós...
 Deus se revelou, se manifestou à Moisés.. e continua se manifestando ao seu povo....
Quando cantamos a parte que diz:
visitou, se revelou, faça os gestos olhando nos olhos das pessoas...

Lindo...só fazendo a experiência!

video


O vocábulo "shekinah" não aparece na Bíblia, é uma transliteração da raiz hebraica "shkn"= habitar. Literalmente, a palavra significa assentamento, habitação ou moradia.
Refere-se à glória visível de Deus habitando no meio do seu povo. Usa-se este vocábulo para designar a presença radiante de Deus, como vista na coluna de fogo, no Monte Sinai, no Propiciatório entre os querubins, no Tabernáculo, no Templo, etc.
Embora a palavra "shekinah" não apareça na Bíblia, há alusões à glória de Deus ("shekinah") em diversas passagens (Cf. Ex 33,18-20), no "Anjo" - os aparecimentos pré-encarnados de Cristo - ou na "nuvem" (Ex 14, 19). A Shekinah diz respeito à nuvem que cercava a glória (Ex 40.34), parecia uma nuvem pesada através da qual chispam os relâmpagos (Êx 19,9-16).
Além dos vários relatos indicando a presença ou a glória de Deus registrada no Primeiro Testamento, muitos cristãos também consideram que a Shekhinah tenha se manifestado em inúmeros casos no Novo Testamento, com Jesus de Nazaré.
Emanuel - O nome hebraico “Emanuel” pode ser traduzido como “Deus conosco” ou “Deus está conosco”. O termo é atribuído a Jesus de Nazaré, por conta de sua ação como Messias, Filho de Deus.

Música: Shekinah – Emanuel
(Pe. Zezinho, scj)

Apareceu lá no acampamento
Montou a sua tenda entre nós
Compartilhou dos nossos sentimentos
Ouvia pressuroso a nossa voz

Shekinah Emanuel
Deus desceu do céu
Visitou se revelou
Deus se revelou

Impressionou por sua caridade
Chorou com quem chorava demais
Foi semeando luz e liberdade
Encheu o acampamento de paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre muito importante!
Não conseguiu comentar?? Calma, não saia ainda, escolha e opção ANÔNIMO e não esqueça de se identificar no final de sua mensagem!
Viu só, que fácil! Volte sempre!