quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

...mas livrai-nos do Mala Men!


"Adentrar no universo infantil para nós adultos é tarefa nada fácil, pois temos a tendência de olhar para esta realidade da vida com os olhos de adultos." 
(do livro psicopedagogia catequética  - criança,  de Eduardo Calandro e Jordélio Siles Ledo.)

Estava lendo esse livro, aliás acho que todo catequista deveria estudar um pouco sobre a idade com que atua na catequese, para que  monstros não sejam criados. 
Me lembrei de um fato: meu filho, hoje com quase 18 anos de idade, quando pequeno não deixava que ninguém cortasse seu cabelo. Era uma luta constante. SÓ na idade da adolescência que fui saber o porque do medo. Ele disse que o cabeleireiro dizia: "Não se  mexa, senão te corto a orelha!"
Daí, o medo, o pavor de cortar o cabelo.
E a historinha do Malamem, você conhece?


 No encontro de catequese, a catequista pediu para que os catequizandos falassem do que tinham mais medo, e perguntou:
-Mariazinha, do que você tem mais medo?
Mais medo catequista?humm, eu tenho medo de bicho papão!!!!
Mas Mariazinha, não precisa ter medo, porque bicho papão não existe...
-Paulinho, e você? do que tem mais medo?
Hummmm, eu tenho medo de assombração!!!
Mas Paulinho, não precisa ter medo, porque assombração também não existe...
- Joãozinho, e você? do que tem mais medo?
Imediatamente responde na lata: Do Mala Men!!!!!
Mala Men??? pergunta a catequista.
É catequista, do Mala Men!!!
Mas Joãozinho, quem é este Mala Men que nunca ouvi falar??!!
E o Joãozinho responde: Olha, quem é eu também não sei, mas deve ser muito perigoso, porque todo dia quando minha mãe termina a oração ela fala: "Mas livrai-nos do mala Men".....

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre muito importante!
Não conseguiu comentar?? Calma, não saia ainda, escolha e opção ANÔNIMO e não esqueça de se identificar no final de sua mensagem!
Viu só, que fácil! Volte sempre!