sexta-feira, 13 de março de 2015

Encontro com pais na catequese, tempo oportuno para evangelizar!

Partilhei no facebook essa experiência de um encontro com a família na Iniciação cristã com crianças (08 anos). Como alguns catequistas me pediram mais informações sobre o encontro, estou publicando aqui, para quem quiser. O encontro foi muito bom, percebi que houve uma dedicação por parte do catequista, pois faltou apenas uma família. Bem, família, vírgula, pois uma coisa que ainda precisamos trabalhar com afinco é a questão de que a educação da fé dos filhos é de responsabilidade da família, que consiste na presença do pai e da mãe. Salvo as exceções(mães que criam sozinha os filhos, avós que são responsáveis pela criança), os dois devem ser convidados para esses encontros. Entendemos também que as vezes um fica com os filhos menores, enquanto o outro vai no encontro. Mas, nosso trabalho é conscientizar que a responsabilidade não é só da mãe.


Esse encontros devem ser tratados como encontro e não como reunião de pais... Existem sim as reuniões para tratar de assuntos práticos, como por exemplo, quando se aproxima da celebração dos sacramentos ou outras atividades.  Mas, quando falamos encontro, supõe que seja um tempo oportuno de evangelização aos adultos responsáveis por nossos catequizandos. Eles precisam saber a diferença de quando são convocados para uma reunião e para um encontro. 

* Não percamos esse tempo precioso com reclamações disso ou daquilo. Reunião na catequese não, mas "encontro" com a Palavra, com JESUS.

Vamos ao encontro em questão...

Mais uma vez tive a certeza de que é na simplicidade, onde mais sentimos a presença, a ação de Deus...

Fui convidada para desenvolver um encontro com os pais de uma turma de 08 anos (iniciação eucarística)... (Comunidade São Lucas-Paróquia Sagrado Coração de Jesus- Diocese de Franca-SP) 

Quando estava preparando o encontro, resolvi sair fora do que previa o manual... Senti no coração que não era hora de cobrar nada dos pais...



Resolvi fazer o querigma, conforme podem observar na  imagem...






Depois da acolhida, iniciamos com a entronização da Bíblia (Ergo bem alto essa Bíblia, ei-la entre nós e o bom Deus, é benção que à terra desce, é prece que sobe ao céu) ... Nesse momento enfatizamos a importância da Palavra de Deus como livro fonte da catequese e também em nossas casas...

 

Escolhi 04 passagens Bíblicas de acordo com os passos do querigma - AMOR DE DEUS - PECADO - SALVAÇÃO - ESPÍRITO SANTO.(Como o tempo foi curto não trabalhei todos os passos, mas de uma certa forma, deu para fazer o querigma.) Dividi em 04 grupos, de forma que também as crianças participassem com seus pais da leitura e partilhas... 

Nesse grupo, refletiram sobre o Amor de Deus, usando a passagem de Isaías 43, 1-5. Vejo essa passagem como uma carta, uma grande declaração de amor de Deus por cada um de nós.
"E agora, eis o que diz o Senhor, aquele que te criou, LEONARDO, e te formou, te chamo pelo nome, és meu, te aprecio, te resgato, te amo..."
*Fazer com que cada um experimente esse amor pessoal e incondicional de Deus que é nosso Pai.



Pecado - Parábola do Filho Pródigo ou O pai misericordioso. (Lc 15,11-32)
Aqui, as mães fizeram a leitura e depois foi narrando a passagem para as filhas e depois elas mesmo foi contando para o grupo a parábola e claro, fui destacando a figura desse Pai misericordioso, transferindo para nossos dias, para cada um de nós... Foi lindo ver a capacidade que tem nossos pequenos de assimilar uma parábola e como conseguiram se expressar quando algo os incomoda quando fazem algo errado e como ficam felizes quando reconhecem seus erros e pedem perdão.

A salvação em Jesus Cristo- A Samaritana (Jo 4,4-42)
Apresentar Jesus morto, ressuscitado e glorificado como única solução para o muno e cada indivíduo. Proclamar que já fomos salvos pelo seu sangue. Precisamos nos converter e ter fé.
Aqui podem perceber que os pais ficaram sozinhos, pois essa passagem é longa e não é de fácil compreensão para crianças de 08 anos. Noutra oportunidade, escolheria outra passagem, como por exemplo:
Jo 3,16-17
Cl 2,13-14

O Espírito Santo: amor do Pai e do filho (Jo 16,, 12-15)
Apresentar o espírito Santo que, ao mudar nosso coração, nos capacita para viver a Vida Nova e convencer-nos de que a Experiência de Pentecostes é oferecida também a cada um de nós hoje.
Também não acho uma passagem fácil para essa idade, mas meu alvo era os adultos.
Mas, depois numa linguagem mais fácil refletimos sobre a ação do Espírito Santo em nossa vida, deixando que seja Ele nosso guia, nosso companheiro de caminhada.

Depois,  todos reunidos, fizemos a leitura e comentários de cada texto, ou melhor, o querigma, anuncio foi sendo feito... Amor de Deus, Pecado, Salvação, Espírito Santo). Estávamos em comunidade, então, deixei claro que a iniciação consiste em viver em comunidade, colocando seus dons á serviço.
Temos tesouros em nossas mãos, verdadeiros diamantes, que só precisam serem lapidados..
Encerramos o encontro, com um momento de oração, interiorização. Luzes apagadas, apenas as velas acesas, destacando a pessoa de Cristo). Entregamos todas as crianças que não tem a oportunidade como eles, de estarem na catequese, por todas as pessoas que se desviaram do caminho e estão perdidos nas drogas, para que tb sintam que são amados por Deus e voltem para esse Deus de amor...E finalmente, ouvimos uma música diante de Jesus(sonda-me)..
Sai em paz, com sentimento de dever cumprido...
Nem sempre saio assim de um encontro...
Deus seja sempre louvado!





Deixo uma dica de livro, com orientações de encontros para se fazer com as famílias. Muito bom! Foi daqui que tirei a inspiração para esse encontro.
Livro Catequese Familiar - de Dom Eugênio Rixen e Margareth Villalba - da Editora Vozes.

Para quem quiser saber mais sobre QUERIGMA,  na barra lateral do blog em MARCADORES, procure pelo tema QUERIGMA, tem algumas postagens sobre esse assunto.

3 comentários:

  1. Imaculada! Estou encantada com tudooo! Tenho estudado sempre seus escritos de bençãos, muito obrigada, sou catequista a mais de vinte anos, aos sessenta e três anos, ainda dou catequese de crisma com muito AMOR! Que Deus abençoe sempre mais essa equipe de benção. jb e a paz de Jesus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Que bom receber seu recadinho!
      Fiquei muito feliz aos saber que aos sessenta e três anos tem essa garra e energia para trabalhar com a juventude... Que belo exemplo!
      Deus a abençoe sempre!
      Fiquei curiosa para saber seu nome e de qual cidade é...
      Beijo grande!

      Excluir
    2. Estou encantada com tudo que você que você escreveu nesse encontro parabéns, e que Deus te ilumine sempre com isso está me ajudando sou catequista a 9 anos e preciso de ajuda obrigada.

      Excluir

Seu comentário é sempre muito importante!
Não conseguiu comentar?? Calma, não saia ainda, escolha e opção ANÔNIMO e não esqueça de se identificar no final de sua mensagem!
Viu só, que fácil! Volte sempre!